Cultura

Arte: uma noite especial Alain Resnais

Arte presta homenagem ao talentoso Alain Resnais, recentemente ausente. Quarta à noite, o canal vai programar dois filmes: My Uncle of America e Melo.

Arte planeja uma noite especial dedicada ao cineasta Alain Resnais, recentemente ausente. A oportunidade perfeita para (re) confrontar obras não classificáveis. Ele gostava de frustrar os códigos do cinema e, à maneira dos escritores do Novo Romano, divertia-se em desconstruir as estruturas narrativas geralmente postas em prática. As formas de fazer as coisas entre esse diretor e esses romancistas são tão próximas que ele trabalhou de perto com Marguerite Duras na adaptação deHiroshima meu amor.

Então, vá na quarta-feira, 5 de março de 2014 na Arte:

20h50: Meu tio da américa
Com Gérard Depardieu, Nicole Garcia, Pierre Roger, Pierre Arditi, Henri Laborit (1980, 2h)
Este filme conta a história do Professor Laborit, que parte do exemplo de três destinos para ilustrar suas teorias científicas sobre o comportamento humano. Depois, a história de três personagens com diferentes destinos, que acabam se encontrando em um ponto específico de cada um deles. Ele foi distinguido pelo Grnd Prize do Festival de Cannes em 1980.

10:55 melo
Segundo a peça de Henry Bernstein com Sabine Azema, Fanny Ardant, Pierre Arditi e André Dussolier (1986, 1:46)
Um vaudeville romântico que assume a aparência de trégédie antiga, com os três atores fetiche favoritos de Resnais: Dussolier, Arditi e Azéma. Estes dois últimos também foram recompensados ​​no 1987 Césars (Prêmio de Melhor Ator e Melhor Atriz)

Hiroshima meu amor será lançado domingo, 6 de abril, como parte de um dia especial Marguerite Duras, que vai comemorar o centenário de nascimento em 4 de abril.

Gregory Provost.

Assista ao vĂ­deo: Como estatuas tambem morrem (Alain Resnais e Chris Marker) - Legendado

PublicaçÔes Populares

Categoria Cultura, PrĂłximo Artigo

Cabeça a cabeça com Tahar Rahim
Cultura

Cabeça a cabeça com Tahar Rahim

Flashback: 27 de fevereiro de 2010. Uma praticamente desconhecido Tahar Rahim ganhou o CĂ©sar de Melhor Revelação e Melhor Ator por sua atuação em Um Profeta, de Jacques Audiard. Nunca vi! Esta consagração cedo teria sujado a existĂȘncia de mais do que um ator iniciante. NĂŁo que de Tahar, 34, que, desde o seu advento Express, cultiva critĂ©rio, leva uma carreira e uma sĂ©rie de filmes emocionantes: Passado, Asghar Farhadi, Central Grande, Rebecca Zlotowski, Samba, a dupla Eric Toledano e Olivier Nak
Leia Mais
Oscar 2015: Patricia Arquette apela Ă  igualdade entre homens e mulheres
Cultura

Oscar 2015: Patricia Arquette apela Ă  igualdade entre homens e mulheres

A atriz ganhou neste domingo à noite o Oscar de melhor atriz em um papel coadjuvante por sua atuação em "Boyhood" Richard Linklater. Na frente dela foram nomeados Emma Stone ("Birdman"), Laura Dern ("Selvagem"), Meryl Streep ("Into the Woods") e Keira Knightley ("Imitation Game"). Em "Boyhood", um longa-metragem de doze anos (jå disponível em DVD), Patricia Arquette interpreta uma mulher solteira criando seus dois filhos.
Leia Mais